5 dicas de como controlar seus gastos com cartão de crédito

É incrível como um cartão de crédito pode ser o melhor amigo e também um péssimo inimigo das pessoas, não é verdade?

Ao mesmo tempo em que vira uma ferramenta importante para gastos diários e esporádicos, pode ser um recurso fácil para criar dívidas e muitos problemas!

Para essa inimizade não acontecer com você e seu cartão, separamos 5 dicas incríveis de como controlar seus gastos com o cartão de crédito, sem precisar deixar de usá-lo. Se liga!

5 dicas de como controlar seus gastos com cartão de crédito1.Não crie dependência do seu cartão de crédito

O maior erro de muitas pessoas é achar que tudo gira em torno de usar o cartão de crédito. Isso pode gerar uma “bola de neve” de contas no final dos meses e ser difícil pagar a fatura por inteiro.

Então ter autocontrole e não ficar dependente de cartões de crédito para realizar pagamentos é essencial.

Experimente soluções mais controladas para gastos do dia a dia, como um cartão pré-pago sem anuidade ou taxas, por exemplo, o qual você recarrega e utiliza com função de débito para compras cotidianas; deixe o de crédito guardado apenas para compras grandes ou emergências.

2.Não tenha muitos cartões de crédito

Tem gente que se embola com seus gastos, pagamentos e juros por simplesmente ter e usar vários cartões de créditos num único mês.

Quanto mais cartões, mais difícil será controlar tudo, principalmente com relação a datas de pagamento e juros de cada um deles. Cancele aqueles que você não precisa usar e concentre as compras necessários em um ou dois, no máximo.

É até útil ter mais de um cartão sim, afinal os limites podem ser diferentes, você pode contar com mais programas de benefícios (promoções das bandeiras, programa de milhas, etc.), mas você não precisa usá-los sempre todos juntos.

Não tenha medo de ligar para a empresa caso queira cancelar um cartão, você tem total direito disso.

3.Experimente usar um aplicativo de controle de finanças

Baixe no seu smartphone algum aplicativo de controle de gastos, no qual você pode incluir compras feitas, estabelecer limite de gastos mensal e fazer uma análise viável para pagar tranquilamente no final do mês.

Alguns aplicativos contam com lembretes para ajudar a não esquecer de realizar os pagamentos. Pesquise na loja de apps do seu celular “Controle de gastos” e escolha a opção mais vantajosa”.

Dependendo da sua conta no banco, você pode ter acesso a um app também no qual verifica as compras feitas automaticamente. Essa era digital facilita muito no controle de gastos, então aproveite.

4.Fique atento às taxas e datas de vencimento

Todo cartão de crédito conta com taxas de juros, então entenda como funciona as do seu banco. Por não conhecer os juros do próprio cartão, muitas pessoas se endividam.

O importante mesmo é priorizar pagamentos integrais, ficando atento às datas de vencimentos das faturas.

Tente negociar também valores de anuidade se ainda pagar, ou opte por migrar para contas e novos cartões que não cobram valor algum mensal. Sempre que possível escape ou negocie taxas!

5.Desafio: Reduza o limite do seu cartão

Que tal experimentar esse desafio? Ligue no seu banco e peça redução do limite ou ajuste pelo app, caso tenha acesso a esse recurso online.

Muitas vezes essa simples mudança já cria uma reeducação nos seus gastos e você reduz bruscamente os valores das faturas. O ideal é o limite não ser maior do que 30% do seu salário. Ficam as dicas aí!